24 setembro 2008

Às vezes chegam cartas

Todos nós já fizemos o chamado "bom negócio". Uma oportunidade com uma taxa de investimento/retorno acima da mediania e todos nós, uma ou mais vezes na vida aproveitámos a oportunidade. Ontem, pela primeira vez questionei a minha própria ética ao pensar em aproveitar uma oportunidade com bom retorno mas que vai contra quase tudo o que defendo em matéria do foro profissional. O dinheiro (ou a falta dele) pesam muito, não pesam?

5 comentários:

m.camilo disse...

Nãaa...põe aí "o espírito olímpico"!

PJ disse...

"A virtude é a prova da falta de tentatção."

George Bernard Shaw

A Senhora disse...

Pesa! Principalmente se não tem o suficiente para fechar o negócio na hora!

vaandando disse...

... só pesam as moedas a chocalhar no bolso....
... brinco naturalmente !
_______ JRMarto

Luís Maia disse...

Não viste há dias na SIc num concurso, um marido que ficou todo feliz, porque a mulher se o traísse não lhe dizia ?

Pairou no ar a ideia que mesmo que o traísse desde que viessem os 100.000, que se lixe, ou é foi impressão minha ?