28 Setembro 2008

Jack of all trades, master of none

Não sei bem há quantos anos cruzo diariamente a ponte 25 de Abril, de e para Lisboa. Sei que foram necessários mais de quarenta anos para me surpreender com um pormenor que desconhecia por completo, e estou a falar dos acessos "desconhecidos" do grande público que permitem aos funcionários das Estradas de Portugal, polícia e forças de socorro entrar no tabuleiro da ponte pelo lado sul ultrapassando todo e qualquer obstáculo, bloqueio ou impedimento que possa existir nos acessos rodo-ferroviários. Um destes dias, viajava eu em direcção a Lisboa acompanhado por um agente de autoridade quando deparei com trânsito intenso junto à ponte do Feijó, trânsito esse que obrigaria a que chegássemos irremediavelmente atrasados a um compromisso oficial. "Sai para o Pragal" disse-me ele. Quando olhei para o lado, vi-lhe um sorriso na face e retorqui "Se isto aqui está assim, não é por dares a volta pela rotunda do Centro Sul que nos safamos mais depressa..." mas ele continuou a sorrir, insistindo em que eu saisse para o Pragal. Certas coisas há que se não discutem e saí diligentemente, primeiro para o Centro Sul e depois subi em direcção ao Pragal. Chegados à rotunda que dá acesso ao hospital avançámos para as instalações das Estradas de Portugal (acesso restrito) de onde percebi a existência de uma via que passando na encosta da amarração sul da 25 de Abril, por baixo dos dois tabuleiros, nos colocou em menos de um fósforo na entrada da ponte. Foi uma surpresa engraçada e pudesse eu usar aquele acesso decerto já lhe teria dado imenso uso! Ao que soube posteriormente, existe também um acesso do lado norte, que embora não tenha percebido de onde sai (algures em Alcântara), sei onde desemboca. É um bom exercício que deixo aos leitores, tentarem perceber onde é que se entra directamente na ponte, vindo de Norte......"You can buy a Sweet Madonna
Dressed in rhinestones sitting on a
Pedestal of abalone shell
Goin' ninety, I'm not wary
'Cause I've got my Virgin Mary
Guaranteeing I won't go to Hell"...

7 comentários:

botinhas disse...

IP7?! Tá boa! Essa não sabia eu. :)

Fred disse...

olha o "gajo" a brincar com a T-shirt da MS! =p

382 U disse...

E à borla! Portagem, nikles!

joaojotta disse...

Mas isso é mesmo restrito? Por quem?
Eu e a minha mulher andamos fartos de dizer que "qualquer dia vou procurar o caminho para ir dar àquela estrada" mas nunca o fizémos...

Biomechaenoid disse...

LOL, esse caminho não era para divulgar Pedro, já o conheço há cerca de... 18 anos.

Mas atenção, quem for apanhado nesse caminho e não pertencer a uma força policial, os gajos da ponte e Ambulâncias ou INEM, tá (F)lixado. Multas grandes... há sempre a cena do a e tal perdi-me e não vi o sinal que dizia ACESSO RESTRITO :D

JA

Pedro Aniceto disse...

Teho sempre bem claro no meu texto que esse acesso é restrito. Não incentivei ninguém a usá-lo (do lado sul nem é possível porque a restrição é física...).

joaojotta disse...

Pois, do lado Sul perde-se dinheiro cada vez que lá passa alguém. eh eh