15 Setembro 2008

Early morning train

Ela escrevia laboriosamente num caderno de capa rígida. Mordiscava uma das pontas da caneta quando parava para pensar e retomava o ciclo de trinta em trinta segundos. Depois enfadou-se, devolveu a tampa da caneta à extremidade e com dois dedos arranjou a alça do top. Fechou o caderno ruidosamente. Na capa, uma mancha gráfica gritava "In my past I was once a porno magazine".

Sem comentários: