16 Setembro 2008

Anedotas da vida real

Já não me recordo do teor completo da anedota que por ai circula da filha que diz ao pai que lhe atribuiram o papel de prostituta na peça teatral da escola. O pai, aflito e surpreso, pergunta-lhe "Vais fazer de quê?". "Prostituta, pai.". "Ah!" exclamou ele aliviado. "Percebi substituta!". Lembrei-me disto quando hoje vi um documento que me nomeava substituto. Mas ao contrário do outro que percebeu mal, eu entendi perfeitamente.

2 comentários:

LMB disse...

:)

Patricia Lousinha disse...

Sem comentários!